19.10.05

Bahia 2

Bahia 2

Vocês já sabem que a Tia Helo é apreciadora de junk food. A comida baiana não é junk mas é heavy.... então acho que ela ia adorar comer um acarajé bem recheado com uma cocada de sobremesa. Calorias não são um problema para ela.

A Bahia, Salvador na verdade, tem algumas coisas que eu não entendo.
1. Como é que uma cidade que é destino turístico no Brasil (nacional e internacional) é tão esculhambada? O prefeito aqui parece só se importar com o asfalto (que é um tapete).
2. Por que todos os soteropolitanos (vai olhar no dicionário) acham que eu sou estrangeira? Só falam comigo bem devagar (mais do que o normal), bem alto e com muitos gestos como se eu não entendesse. As vezes eles até arriscam um portunhol, vai entender....
3. O excesso de axé music. Com tantos artistas da mpb bons aqui só toca esse entupimento de ouvido. Eu vi uma passeata de jovens católicos no centro da cidade, acompanhados de um trio elétrico tocando músicas religiosas em ritmo de axé, com as mulheres rebolando e até vendedor ambulante de cerveja. A Tia Helo ia ter certeza de que o fim do mundo chegou.

Algumas coisas eu gostei bastante. Uma foi um grupo de mulheres tocando tambores subindo e descendo as ladeiras do Pelourinho, melhor que o Olodum. Outra foi outro grupo tocando tambores numa missa também numa daquelas igrejas do Pelourinho, cheia de turista (será que a Tia Helo ia aprovar isso?).

Amanhã eu me despeço da Bahia e vou para o próximo destino.....

Um comentário:

  1. Ney Filho9:08 PM

    hummm essa tia helo uma queda por observações baratas, coisa de gente misteriosa, que come escondido, que arrota cantando e dança paula abdul no banheiro!!! hummm a bahia vai fazer mal a essa moça! moça?

    ResponderExcluir