16.11.08

Book Report (2)

Como Me Tornei Estúpido de Martin Page

Ainda vou fazer o prometido Momento TOC livros 2008, esse é só um aquecimento.

Esse ano eu li dois livros do Martin Page, esse do título do post e um chamado "A gente se acostuma com o fim do mundo". Confesso que comprei os dois pelos títulos, e os dois são bons, mas vou falar do primeiro.

Esse livro conta a história de Antoine, um rapaz de 25 anos muito inteligente, que lê bastante, se informa de tudo, sofre com as mazelas do mundo e por isso ele se sente mal, triste, depressivo. A maldição da razão.

Antoine acha que se tornar estúpido ele irá sofrer menos pois não se preocupará tanto e poderá desfrutar de outros prazeres. Sua primeira tentativa é se tornar alcoólatra, ele acha que os bêbados não se preocupam com o que falam, não pensam muito e diz que "os alcoólatras são compreendidos, tem consideração médica e humana. Ninguém pensa em compadecer-se das pessoas inteligentes.". Ele vai até a biblioteca local e pega todos os livros que falam sobre bebidas e alcoolismo, depois ele vai até um bar buscar o que ele chama de um Yoda do uísque. Ele acha um mentor que o prepara para tudo que ele vai sentir ao se tornar um alcóolatra, mas depois de meio copo de cerveja Antoine entra em coma alcoólico.

No hospital ele decide se matar para poupar seus amigos de sofrer com ele, "eu sou tão pouco dotado para viver que talvez me realize na morte". Depois de uma conversa com o doente vizinho, Antoine descobre que existe um curso para suícidas, para que eles não cometam erros ao se matar (e o curso tem gift shop e tudo mais). Mas isso também não funciona para Antoine.

Ele conta aos seus amigos a sua decisão de se tornar estúpido e procura o seu médico que lhe dá um remédio chamado Felizac. Com esse remedinho Antoine passa a não se preocupar tanto e começa a comprar bens, tem que arranjar um emprego para se sustentar, fica muito rico, compra mais coisas (que ele não deseja nem precisa, mas acha que tem que ter. É um comprador e não um consumidor).

Antoine se torna estúpido. Isso não agrada seus amigos e nem o faz feliz.

O que acontece? É um livro divertido, curto, lê-se rapidinho e se dá boas risadas. Vale a pena.

3 comentários:

  1. ganhei 'como me tornei estúpido' de natal, ueba!

    ResponderExcluir
  2. Karen8:56 AM

    Me interessei por este livro e vou ver se o compro para me divertir, pois gosto de leituras divertidas. Sou da área estresssante de TI. Demoro quase 2 horas na ida e na volta do trabalho. Volto de fretado e ler alguns livros tem sido uma opção interessante. Considerarei essa dica ^_^

    ResponderExcluir
  3. Oi Karen!

    Esse livro é bem curtinho e divertido. Fiquei impressionada com o humor do autor francês, é quase humor inglês. :)

    ResponderExcluir