8.11.10

Nos passos de Jack


Eu vi no Básico e Necessário um post sobre as London Walks, e decidi que, na volta a Londres, iria fazer uma.

Essas caminhadas são walking tours de duas horas por áreas específicas de Londres. É só aparecer no metrô indicado, pagar £8 e prestar atenção. São muitas e variadas, dependendo do dia da semana, então olhei o que tinha para os dias em que estaria lá. Fiquei entre a Londres de Shakespeare e Dickens, a Londres dos Beatles, Ghost, Gaslight and Guinness; Secret London ou Jack The Ripper Haunts. (pena eu não estar lá numa sexta porque queria fazer o do Sherlock Holmes e Rock n' Roll London, fica para a próxima vez)

Das que eu tinha opção escolhi a do Jack the Ripper. Eu tenho muita curiosidade com serial killers (eu assisto Dexter e Criminal Minds), e o Jack foi o primeiro serial killer do qual se tem notícia, da forma como conhecemos hoje.

Para quem não sabe, ele matou, mutilou e tirou as víceras de 5 prostitutas entre agosto e novembro de 1888. Na época dele crimes eram comuns, mas o que o fez famoso foi que ele foi o primeiro cujos crimes foram acompanhados de perto pela imprensa e grande público. E ele nunca foi pego.

O tour começa as 19:30 na Torre de Londres e escutamos um pouco de história sobre a cidade na época do Jack, 1888, e vamos logo onde teria sido o primeiro crime.

A Londres de hoje é muito diferente, a maior parte dos becos, ruas e prédios existentes em 1888 foram destruídos na guerra, mas alguns lugares restam como: a igreja onde as prostitutas faziam ponto, Spitalfields Market (embora renovado), Ten Bells Pub (com os mesmos azulejos da época) onde as prostitutas se encontravam (e está no filme From Hell com o Johnny Depp) e algumas ruas estreitas com bares e postes ainda da época.

O guia conta toda a história nos mí-ni-mos detalhes. O Jack era detalhista e habilidoso, então é um tal de garganta cortada para cá, rim retirado para lá, etc. Não é um tour para os fracos de estômago. E também escutamos as várias teorias de quem poderia ter sido o Jack.

Eu já conhecia a história do Jack de cor, com todos os detalhes (já li Mentes Criminosas e Crimes Assustadores algumas vezes), e o guia era muito bom, mas o que eu gostei mesmo foi de andar por uma parte de Londres que não conhecia bem. E o bom desses tours é exatamente andar sem se preocupar em estar perdido e curtir a paisagem.

O Jack atuava no distrito de Whitechapel que hoje faz parte de East London. Em 1888 era um bairro pobre de Londres, onde quase não tinha iluminação pública, era habitado pelos judeus que vinham fugidos de outros países da Europa, muitos bares e prostitutas nas ruas.

Hoje, East London, é o lugar cool de Londres. É a área que está sendo revitalizada para as Olímpiadas. É um lugar com muitos pubs, bares, nightclubs, lojas diferentes, muita street art e muitos jovens.

O tour terminou 21:30 no Spitalfields Market em frente ao Ten Bells pub. Eu resolvi conhecer um pouco mais do bairro e andei até a Brick Lane, onde tem vários restaurantes indianos (no, thanks), depois voltei para Commercial Street e fui andando sozinha pelas ruas até Old Street. Ainda bem que o Jack se aposentou em 1888.

Nenhum comentário:

Postar um comentário