8.10.12

Momento transporte público: Los Angeles

Los Angeles tem fama de ser uma cidade onde se você não tiver um carro não vai a lugar nenhum. É um fato que os habitantes da cidade adoram debater qual o melhor freeway para chegar a algum lugar e reclamar do estacionamento, mas o transporte público não é um mito, ele existe. Quando estive na cidade em 2009 descobri, para minha surpresa, que o sistema de transporte público é muito eficiente e barato. Como já disse em outros posts sobre transporte público em outras cidades, eu acho um excelente jeito de conhecer a cidade, além de se sentir um pouco local (bem, no caso de Los Angeles nem tanto porque quase todo mundo anda de carro).

Dessa vez usei muito os ônibus da cidade para ir a todos os lugares que queria. Claro que um carro é mais rápido, ainda mais usando os freeways, mas não se vê a cidade direito no meio de 5 pistas de carros com muros nas laterais (e o freeway também fica engarrafado). O aluguel do carro é barato, mas outra vantagem de usar o transporte público é o estacionamento. Os estacionamentos fechados são caros (em Hollywood custa até 30 dólares a noite, na praia é de 10 a 15 o dia), os que cobram por hora também são caros e as lojas/restaurantes só dão uma hora grátis. As vagas de rua (quando se acha) tem limite de tempo, as vezes de uma hora, as vezes de duas, então tem que ficar voltando para colocar mais dinheiro no parquímetro.

Los Angeles é uma cidade muito grande e muito espalhada. O deslocamento, dependendo do destino, as vezes é demorado, mas se você tem tempo o transporte público é uma ótima opção. Em um dia consegui ir ao Getty Center, depois passear em Santa Monica e voltei para Silverlake, onde estava hospedada, praticamente atravessei a cidade duas vezes (60km no total), claro que saí cedo e voltei tarde.

A cidade tem dois sistemas de ônibus: o Metro e o Dash. O Metro cobre a cidade inteira e o Dash tem linhas circulares que percorrem certos bairros (o Dash Downtown, Dash Hollywood, Dash Los Feliz). O Dash é bom para rodar uma área específica e custa 50 centavos uma passagem. Algumas linhas são interligadas e é possível trocar de área. Para subir até o Griffith Observatory o Dash tem um shuttle que sai aos fins de semana da estação de metrô da Vermont com Sunset e deixa na porta do observatório.

O Metro vai para todos os pontos da cidade e é bom para quem quer atravessar de um lado para o outro, ou onde não tem o Dash. O Metro custa US$1,50 uma passagem e US$ 5,00 o passe do dia (que vale até as 3 da madrugada do dia seguinte). Para comprar o passe do dia é preciso ter um cartão, o TAP, que custa 2 dolares (além dos 5 do passe) na primeira vez e depois é só recarregar. A compra e recarga podem ser feitas com o próprio motorista do ônibus, online, nas lojas do Metro, ou nas máquinas do metrô. Também tem o passe da semana que custa US$ 20. Atenção: no ônibus sempre tenha o dinheiro exato, o dinheiro é colocado numa máquina e ela não dá troco (o motorista não pega em dinheiro).

O TAP também serve para o Dash.


E como se deslocar? No site do Metro é possível fazer um journey planner que diz o ponto onde pegar, o número do ônibus, o horário que vai passar, onde descer e quanto custa. Melhor ainda, para quem tem um smartphone, é baixar a app que além do journey planner dá para ver onde estão os pontos de ônibus mais próximos e o horário que o próximo ônibus vai parar ali. Para quem quer ir a Santa Monica e Venice (ou vai ficar lá e quer ir para cidade) o Metro é a melhor opção. Os pontos de ônibus são definidos, os horários também, a frequência é entre 15 e 20min (peguei um ônibus que ficou parado 5 minutos porque estava adiantado para o próximo ponto).

E tem o metrô de fato (subway, ou underground para os britânicos), que não usei, mas está na minha lista de coisas a fazer da próxima vez que for a cidade. O metrô liga downtown a quase todos os lugares mais distantes da cidade. A linha vermelha vai  para Hollywood. A empresa é a mesma do ônibus Metro e o passe do dia vale para o metrô também. (confuso isso do ônibus se chamar Metro né?)

O metrô funciona até 2 da madrugada nos fins de semana e os ônibus tem linhas que circulam a noite inteira.

Os ônibus são novos, limpos e tem ar condicionado (que foi um alívio no heat wave que peguei na cidade). Fiquei impressionada com o tanto de deficientes físicos em cadeiras de rodas usando os ônibus,  quase todos os ônibus que peguei tinha um. É bem prático e rápido como sobem e descem.

O taxi é uma boa opção para quem tem pressa e para corridas curtas, as mais longas podem sair mais caro que o aluguel do carro. Acontece que em Los Angeles não se chama taxi no meio da rua, tem que telefonar. Nesse site tem a lista de todas as empresas oficiais com telefones.

Não vamos esquecer a bicicleta. Faixas para bicicleta estão espalhadas por toda cidade. Em Venice e Santa Monica é legal alugar uma bicicleta e dar uma volta da ciclovia da praia que da para ir para Malibu de um lado e Manhattan Beach/Hermosa Beach do outro. Os ônibus tem racks para as bicicletas, então é possível fazer uma combinação de transportes e visitar mais lugares.



13 comentários:

  1. Kleber MX11:21 AM

    Olá!
    Belo post. Pretendo ir a LA em Janeiro, para um intercambio de férias e ainda estou decidindo entre locação de carro ou transporte público. Oque me indica? Ficarei por um mês.
    Obrigado!

    ResponderExcluir
  2. Oi Kleber!

    Los Angeles é uma cidade ótima, mas, como eu disse no post, é muito grande e espalhada. Depende de onde você vai ficar, o que você quer fazer e o tempo que terá porque realmente tem deslocamentos que são demorados.
    Um mês é bastante para a cidade, o aluguel do carro é barato, mas ainda tem o seguro, os estacionamentos não são baratos e vaga na rua não é fácil. Se você vai alugar o carro sozinho, acho que o transporte público é mais econômico.
    Minha sugestão: faz uma experiência com o transporte público, usa durante uma semana. Até para conhecer a cidade melhor. Depois se você achar que o carro faz muita falta, aluga.
    Durante a semana eu sempre usava o transporte público, mas no fim de semana saía de carro com minha amiga.
    Pessoalmente, eu só alugaria um carro quando quisesse sair da cidade como ir a Santa Barbara, Solvang (para o norte) e Huntington Beach, San Clemente e San Diego (para o sul). Ou ir a Disney e Universal.

    Espero ter ajudado. Qualquer coisa é só perguntar.

    ResponderExcluir
  3. Vou me corrigir. À Universal dá para ir de metrô sim. :)

    ResponderExcluir
  4. Estou morando a 60 km de Los Angeles (Irvine) e adorei saber que poderei usar o transporte público tranqüilamente. Obrigada, estas dicas pequenas de ter o dinheiro trocado faz a maior diferença.

    ResponderExcluir
  5. Anônimo1:53 PM

    Isso de nos EUA ser regra ter carro é mito pq 90% dos brazucas que vão não pegam bus nem no Brasil... E descobri da pior maneira, fui pra Miami na primeira vez e na agencia fizeram um vendaval, "nossa la não tem bus e bla bla bla", aluguei um carro em me arrependi amargamento, o bus de Miami é 5x melhor que aqui de Floripa onde moro 3x mais barato 5x mais eficiente e etc... Fui pra orlando e nem pensei em alugar um carro e adinha, o Bus la tb é 200%. Passe diario por 4 dolares e sem limite, aqui em Floripa é uma tragédia, tem lugares que vc espera 40 minutos e não tem passe diario, ou seja, o tanto que andei de bus em orlando em um dia aqui em Floripa gastaria 60 reais facil. Sem mais, vou para Los Angeles e nem penso em carro.

    ResponderExcluir
  6. @anonimo

    Nos EUA tem várias cidades com transporte público ótimo (barato e eficiente), especialmente na costa oeste. Nunca aluguei carro lá, e acho que só alugaria se fosse para fazer um road trip de fato.

    Divirta-se em LA. :)

    ResponderExcluir
  7. Anônimo2:04 PM

    Oi, Bom dia! Desculpe, mas LA não é tão grande porque muitos lugares que achamos que faz parte de LA não fazem. Santa Mônica, Culver City, Long beach, Venice e etc. têm prefeitura própria.

    Obrigada.

    Abraços a todos

    ResponderExcluir
  8. @Anonimo,

    Generalizei e disse que era grande e espalhada porque esses lugares com prefeituras independentes fazem parte da grande Los Angeles e são servidas pelo mesmo transporte público. E não tem diferença de tarifa entre os bairros e cidades servidas pelo transporte público.
    Ainda assim, mesmo só com os bairros, acho Los Angeles grande e espalhada. West Hollywood tem prefeitura própria mas fica bem no meio de outros bairros de Los Angeles. Venice que fica na praia é parte de Los Angeles, mas Santa Monica, que é do lado, é outra cidade.

    ResponderExcluir
  9. Olá kaká! pretendo ir para L.A em junho,vou com minha prima e abambas não temos carteira de motorista.Da pra ir em todos os pontos turísticos de transporte público? eu tenho muita vontade de conhecer Santa mônica...consigo chegar sem carro??

    ResponderExcluir
  10. @Planeta Ribeiro,

    Dá sim para ir a todos os pontos turísticos de ônibus. :) Pode demorar porque a cidade é espalhada e as vezes precisa pegar 2 ônibus, mas chega sim. Fiz isso da última vez que estive lá e você também acaba conhecendo a cidade um pouco melhor.
    Santa Mônica é super fácil de chegar, dependendo de onde você vai ficar, tem ônibus direto. Na última vez em LA fui algumas vezes a Santa Mônica, todas de ônibus. Chegando lá dá para fazer tudo a pé, e tem bicicleta para alugar e ir até Venice (que é pertinho).

    ResponderExcluir
  11. Em julho estarei em Los Angeles e ficarei hospedada em Beverly Hills, no Beverly Hilton. Vi que no plano de metrô de LA há uma estação em Anaheim, onde esta o complexo da disneylandia. Mas não vejo nenhum site de viagens citar eese meio de transporte para chegar até lá. Tem como me esclarecer se há essa opcão, se é a melhor ou não para quem está em BH e se há como me dizer , aproximadamente, o valor de um uber até lá?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Heliete! Não fui na Disney de Anaheim.
      Eu sei que o metrô chega na Universal City (onde tem os parques da Universal).
      Acho que para Anaheim você vai ter que ir para a Union Station (estação central de trem em Downtown Los Angeles) e de lá pegar um trem para Anaheim.
      E provavelmente de estação de Anaheim pegar um onibus ou taxi para o parque da Disney. Acredito que isso deve levar mais de 2 horas.
      No site da Metro de Los Angeles (que é metrô e ônibus) dá para fazer uma simulação, mas também deve levar mais de 2 horas para chegar.
      De über não tenho idéia, mas também dá para simular no aplicativo e site, e deve ser bem mais rápido, coisa de 45-50 minutos.
      Se você vai só passar o dia na Disney talvez seja melhor ver se tem um transfer ida e volta que chega mais rápido, as vezes o preço compensa.

      Excluir
    2. ah, esqueci de dizer que nos USA tem o Lyft que é o concorrente do Uber.

      Excluir